terça-feira, janeiro 29, 2008

20-- Control


(foto de dia 28)
Foi dia de ir ao cinema.
Control- filme sobre os Joy Division.
Muito Bom

19--Perfect Sunday


(dia 27)
Filipe e o Buda.
Lancharada na casa de Jo.=)

segunda-feira, janeiro 28, 2008

os teus olhos...

não são os olhos castanhos que são leais. os olhos dele são castanhos e no final deram-me tudo menos lealdade. também se podem aplicar aos dela. aliás, aos deles (juntos). como os vossos olhos fazem um par excelente. 2 pares de olhos castanhos tão desleais, tão cruéis.

os meus olhos são castanhos. e não sei se combinam com a música, mas lealdade é algo que eles possuem.porque leal sempre fui. comigo, com ele, com ela. e continuo a ser. sempre. porque apesar de tudo a lealdade é algo que não perdi.e neste momento sou leal comigo.com aquilo que sinto e que quero para o meu futuro.

e foi nos teus olhos azuis que percebi isso, com uma certeza maior.obrigada. =)

quinta-feira, janeiro 24, 2008

ainda aquele sorriso estúpido na cara...

....

... mas que sabe tão tão bem...

:D

******************

terça-feira, janeiro 22, 2008

The Edge of The Ocean*

There's a place I dream about
Where the sun never goes out.
And the sky is deep and blue.
Won't you take me there with you.

Ohhh, we can begin again.
Shed our skin, let the sun shine in.
At the edge of the ocean
We can start over again.

There's a world I've always known
Somewhere far away from home.
When I close my eyes I see
All the space and mystery.

Ohhh, we can begin again.
Shed our skin, let the sun shine in.
At the edge of the ocean
We can start over again.

*Ivy
Fazes [-me] muito mais que o sol. =)
porque há amizades que se tornam mais importantes nos momentos mais certos=)

léxico português?

"abstrusas"

foi a palavra nova que aprendi hoje...


não sei exactamente porquê, mas soa-me um pouco estranho e a incorrecto...

quinta-feira, janeiro 10, 2008

When The Stars Go Blue*

Dancin' where the stars go blue
Dancin' where the evening fell
Dancin' in your wooden shoes
In a wedding gown

Dancin' out on 7th street
Dancin' through the underground
Dancin' little marionette
Are you happy now?

Where do you go when you're lonely
Where do you go when you're blue
Where do you go when you're lonely
I'll follow you
When the stars go blue, blue
When the stars go blue, blue
When the stars go blue, blue
When the stars go blue

Laughing with your pretty mouth
Laughing with your broken eyes
Laughing with your lover's tongue
In a lullaby

Where do you go when you're lonely
Where do you go when you're blue
Where do you go when you're lonely
I'll follow you
When the stars go blue, blue
When the stars go blue, blue
When the stars, when the stars go blue, blue
When the stars go blue
When the stars go blue, blue, blue
Stars go blue
When the stars go blue

Where do you go when you're lonely
Where do you go when you're blue, yeah
Where do you go when you're lonely
I'll follow you, I'll follow you, I'll follow you
I'll follow you, I'll follow you, yeah
Where do you go, yeah
Where do you go, Where do you go

*The Corrs [featuring Bono]


(não sai da cabeça....) ;)

quarta-feira, janeiro 09, 2008

Projecto 366

Bom, digamos que por sugestão da sô dona xary (que através do seu blog me despertou um imenso interesse), aderi ao projecto 366.

Já vou com 9 dias de atraso, mas comecei hoje e prometo esforçar-me para levar até ao fim, sem falhas!!!

Para saberem mais e verem os resultados do projecto vejam o meu fotolog:

http://www.fotolog.com/maryjonny/

terça-feira, janeiro 08, 2008

foi duro e desgastante, mas tinha de ser. e ambos sabemos disso. que era importante que falassemos. não que eu tivesse entendido ou aceite tudo, mas ao menos não ficou nada por dizer. coisas duras foram ditas e ouvidas, mas ficou tudo dito, e isso é que importa.
gostar de ti ainda é um facto, mas é um facto que não tenho medo de admitir e apesar de o sentimento não ser o mesmo de há três meses atrás, ainda existe, mesmo que dum modo diferente e sujeito a variações.
ninguém está sozinho porque quer. e eu estou sozinha, porque ainda não apareceu ninguém especial o suficiente para tentar algo novo. porque a novidade [também] me cativa a mim, mas isso não chega.
o fim de "nós" já chegou há muito tempo e isso já não me tira o sono. o que ainda me deixa meio perdida por vezes é o facto de ter de te "deixar ir", de não podermos estar tantas vezes juntos e de não podermos falar tantas vezes. ambos sabemos que para que um dia nos possamos dar bem, é necessário um tempo. e aqui sim, nas amizades justifica-se o dar um tempo. para que surja um novo inicio. para mim (pelo menos). é necessario um curar de feridas, um resfriar de mágoas. e sobretudo (para mim) um criar de novos hábitos.
porque eu quero mesmo muito ser feliz.

sábado, janeiro 05, 2008

Please Me Like You Want To

Don't do me any favors
matter of fact why don't you
do yourself a few
your presence ain't nobody's blessing
I've got plenty of other things
I could do
oh no, not another excuse
your tired silly games
for me are just no use
and now it's plain for me to see
you're with somebody
that you don't want to be
so won't you
please please me like you want to
not like you have to
or won't you just go on and leave me
leaving me is the least that you could do
you could have spared me
so much misery
and told me you just wanted
a friend
believe me there is a difference
when you mean it
and when you pretend
or was I just your habit
cause I know a habit
is a hard thing to break
but won't you spare me
a little mercy
there's only so much
so much that I can take
so won't you
please please me like you want to
not like you have to
or won't you just go on and leave me
leaving me is the least that you could do
*Ben Harper

sexta-feira, janeiro 04, 2008

acreditar

e os últimos dias de 2007 foram estranhos, e os primeiros de 2008 (re)abriram algumas feridas. é estranho que nunca nos conseguimos habituar à dor. e mais estranho ainda é não saber como reagir à dor.sobretudo àquela dor.as lágrimas voltaram e o nó na garganta também, tal como o aperto no peito.e tive medo de o sentir, mas não vergonha.e fiz questão que soubesses que o sentia.e sobretudo que os actos têm consequências.aliás, os teus actos (neste caso).
ontem à noite as lágrimas acabaram e hoje o nó da garganta desatou-se e o aperto no peito começa agora a ficar mais leve... a pouco e pouco vou restaurando o que demorou 3 meses a ser conquistado. e novos sentimentos emergem e novas esperanças também.
e acredito nelas.sempre.

terça-feira, janeiro 01, 2008

Frase Feita, mas verdadeira!

e nos ultimos minutos de 2007 vêm-me imagens de muitos dos momentos que passei. foi bom ter tido as melhores notas durante 3 anos em que ando na faculdade. foi bom a fundaçao da AJAlentejo. foram bons os momentos com ele. mas posso dizer que este ano trouxe-me muitos dos piores momentos da minha vida e infelizmente acho que este ano não foi de todo melhor que 2006.
Para 2008 apenas quero enterrar todos os fantasmas ainda presentes. apagar todos os "vicios" que ainda existem. e adormecer certas recordaçoes. quero esquecer o final de 2007 e pensar que 2008 será bom, muito bom. quero mais e melhor AJAlentejo e quero mais e melhor para mim!
É cliché mas Ano Novo, Vida nova é exactamente o que quero para mim. e para voces.porque uma vida nova traz consigo novas oportunidades e novos (re)começos!!!!


Feliz Ano Novo! Feliz 2008!!!